Ex-BBB Alberto Cowboy sonha em parceria com os primos Victor & Leo

Publicidade

0

Alberto Cowboy ficou conhecido nacionalmente durante a 7ª edição do Big Brother Brasil, e agitou a casa mais vigiada do Brasil. No confinamento, o mineiro se tornou vilão da edição, mas garante que os desafetos ficaram para trás. “O que se faz no jogo, fica no jogo. Não tem que trazer para fora. Sempre fui muito sincero lá dentro. Jogar faz parte. Não tem que julgar o caráter da pessoa pelo BBB”, afirma.

Oito anos depois de sua participação no BBB, Alberto garante ao Gshow que não é mais reconhecido como malvado e recebe o carinho do público. “Sou lembrado até hoje. Tem gente que me pede pra tirar foto”, garante.

Boninho vai acompanhar de longe a 16ª temporada do BBB; reality estreia em janeiro de 2016

Do BBB7 para cá, o que será que mudou na vida do ex-participante? O mineiro, que é formado em Administração, deixou um pouco a profissão de lado para se dedicar à carreira musical. Primo dos cantores Victor & Leo, o ex-BBB teve a música muito presente em sua vida. “Sempre gostei e acompanhei a carreira dos meus primos. Eu não escolhi a música, ela me escolheu. Depois que pisei no palco pela primeira vez, vi o quanto era gratificante. O pessoal começou a pedir pra eu gravar um CD e fiz isso”, explica.

O que era praticamente um hobby, virou coisa séria, e Cowboy faz shows Brasil afora e até no exterior. “Eu componho e estou aprendendo a tocar violão. Canto o que o povo quer ouvir. Meu show é diversificado: tem Lucas Lucco, Gusttavo Lima, Psirico, Tomate…”, ele aponta.

Falando em música, Alberto Cowboy confessa que pede opinião aos primos famosos e afirma que pensa em uma parceria musical ao lado deles. “Temos isso na cabeça. Sou fã deles. Acho que um dia acontece. Agora não seria o momento porque preciso ter mais bagagem”, afirma.

 

Compartilhar