Programação da TV Bernardo Vieira

Câmera Record – 12/08/2018: as histórias por trás dos nomes mais inusitados do Brasil

Câmera Record – 12/08/2018: as histórias por trás dos nomes mais inusitados do Brasil

O Câmera Record deste domingo, 12 de agosto, as histórias por trás dos nomes mais inusitados do Brasil.

Exibe reportagem com as histórias por trásde nomes nada convencionais nas certidões de nascimento e revela por que alguns famosos optaram por utilizar apelidos artísticos. É o caso de Roberta Miranda. Em entrevista exclusiva ao programa, além de abrir o jogo sobre temas polêmicos, a cantora diz que no início de carreira era para se chamar ‘Mariah Miranda’, só que o discou não vingou.

Decepcionada, pensou em outro nome. A inspiração veio de um ídolo italiano. “Eu sempre fui apaixonada por uma música do Pepino Di Capri que se chama “Roberta”. Ai só ficou “Miranda”, que é o meu nome original. O Maria eu retirei”, revela.

Uma outra famosa também teve de optar por outro nome, ou melhor, teve de abreviar o nome para fazer sucesso: Gilmelândia, ex-banda Beijo, que em carreira solo ficou mais conhecida como Gil. O hit ‘Maionese’ levou os fãs à loucura, principalmente nos carnavais da Bahia.

“O engraçado é que quando eu ligo pra alguém e quero acertar alguma coisa que seja por telefone, me chamam ‘dona Guilmelândia’, ‘Guiberlândia’… É tanto nome louco que eles colocam em mim que quase ninguém consegue acertar”, conta em tom descontraído.

No Nordeste, 19 consoantes e 11 vogais formam o nome mais longo do Brasil: Charlingtonglaevionbeecheknavare. É tão complicado de pronunciar que até o dono tem problemas para soletrar. “Peraí, é muita letra…”, ri, após a tentativa frustrada. Mais fácil mesmo é chamá-lo de Chachá, como ele é conhecido em Macau, no Rio Grande do Norte. E mais: a história do Mike Tyson Schwarzenegger dançarino. E o bebê que nasceu mais rápido que o esperado e leva na certidão nome de astro do esporte.

Tudo isso e muito mais você confere a partir das 23h15, logo após o Domingo Espetacular, na RecordTV.

Sobre o autor | Website

Catarinense e estudante de direito. Escrevo sobre entretenimento desde 2010, mas comecei com política internacional depois da campanha americana de 2016. Adoro uma premiação e um debate político, mas sempre estou lendo ou assistindo algo interessante. Quer saber mais? Me pague um café e vamos conversar.

Deixe um comentário

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.