” O Hobbit – A Batalha dos Exércitos” foi o filme mais assistido do último fim de semana nos cinemas brasileiros

Publicidade

0

Nas bilheterias dos cinemas nacionais o fim de semana teve um filme que comandou as ações no aspecto financeiro. O “Hobbit – A Batalha dos Exércitos” conseguiu a maior bilheteria do fim de semana nos cinemas brasileiros (período de 11 a 14/12), deixando para trás filmes como “Jogos Vorazes – A esperança – Parte 1”.

“O Hobbit – A Batalha dos Exércitos” arrecadou mais de 15 milhões de reais, o “Jogos Vorazes”, financeiramente falando, conseguiu de receita com bilheteria de salas de cinema que exibiram o filme, “apenas” pouco mais de 2 milhões e 800 mil reais. Abaixo você confere a lista dos 5 filmes mais asssitidos do último fim de semana no Brasil, com uma pequena sinopse dos mesmos e quanto cada um arrecadou de bilheteria.

1. O Hobbit – A Batalha dos Cinco Exércitos – R$ 15.574.122
O terceiro e último longa da saga, baseada na obra literária de J.R.R. Tolkien, mostra a jornada e os obstáculos que o grupo liderado por Bilbo Bolseiro precisa enfrentar para libertar o reino de Erebor.

2. Jogos Vorazes – A Esperança – Parte 1 – R$ 2.829.201
Sobrevivente de duas edições dos Jogos Vorazes, Katniss passa a ser símbolo da revolução iniciada no Distrito 13. Baseado no livro “A Esperança”, de Suzanne Collins.

3. Debi & Lóide 2 – R$ 1.569.622
Nesta sequência, os amigos Debi e Lóide precisam encontrar a filha de Debi a fim de convencê-la a doar um rim para seu pai, até então desconhecido por ela.

4. Ouija – O Jogo dos Espíritos – R$ 1.269.793
O filme de terror acompanha uma jovem que tenta se comunicar com a irmã, morta recentemente. Para cumprir o objetivo, a garota convida os amigos para usarem o Ouija, jogo que estabelece contato com espíritos.

5. Quero Matar Meu Chefe 2 – R$ 1.204.472
Nesta continuação, Nick, Dale e Kurt conseguem abrir a própria empresa, mas o homem que investiu dinheiro no empreendimento dá um golpe neles. Desesperado, o trio de amigos planeja sequestrar o filho do investidor para retomar a empresa.

Compartilhar

Deixe um comentário