Programação da TV Bernardo Vieira

Paranóia é o tema da 4ª temporada de Psi que estreia neste domingo (24)

Paranóia é o tema da 4ª temporada de Psi que estreia neste domingo (24)

Estreia neste domingo, 24 de março, a quarta temporada de Psi cujo tema é Paranóia.

A paranoia será o tema central dos dez episódios, divididos em cinco diferentes histórias que abordarão temas como o ciúme patológico e a hipocondria delirante. Com roteiro e direção geral do escritor, psicanalista e dramaturgo Contardo Calligaris, a nova fase da série apresenta uma reflexão sobre os sentimentos paranoicos a partir da perspectiva da Psicanálise.

“Abordar temas relevantes para a sociedade é parte do DNA da HBO. PSI, que já recebeu três indicações ao Emmy® Internacional, chega à quarta temporada cumprindo o compromisso de propor debates e reflexões inteligentes de forma descomplicada. É um grande trabalho, do qual temos muito orgulho”, explica Roberto Rios, vice-presidente de Produções Originais da HBO Latin America.

O ator Emilio de Mello vive mais uma vez o psicanalista Carlo Antonini, papel que lhe rendeu uma indicação ao Emmy® Internacional em 2015 – no mesmo ano, a produção ainda foi indicada na categoria melhor drama. Em 2018, PSI concorreu novamente ao prêmio, na categoria melhor atriz, pela atuação de Denise Weinberg. Além disso, a série foi vencedora de seis estatuetas na 39ª edição do Telly Awards.

Liliana De Castro (Maria Clara), Marcelo Airoldi (padre Miguel), Paula Picarelli (Taís), Karen Menatti (Elisa), Raul Barretto (Severino) e Natália Lage (Renata) também integram o elenco. Além das participações especiais, Renata Becker volta a interpretar a moradora de rua Malu – personagem da história “O Contador” da terceira temporada -, que ganhará destaque na trama. A direção dos episódios é dividida entre Caroline Leoni, Max Calligaris, Isabel Valiante e Fábio Mendonça.

A exibição está prevista para Grande São Paulo, assim como todo o Brasil, a partir das 21h na HBO.

Sobre o autor | Website

Catarinense e estudante de direito. Escrevo sobre entretenimento desde 2010, mas comecei com política internacional depois da campanha americana de 2016. Adoro uma premiação e um debate político, mas sempre estou lendo ou assistindo algo interessante. Quer saber mais? Me pague um café e vamos conversar.

Deixe um comentário

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.