Programação da TV Bernardo Vieira

Pequenas Empresas e Grandes Negócios – 21/10/2018: a importância do público-alvo ao abrir uma empresa

Pequenas Empresas e Grandes Negócios – 21/10/2018: a importância do público-alvo ao abrir uma empresa

No Pequenas Empresas e Grandes Negócios deste domingo, 21 de outubro, a importância do público-alvo ao abrir uma empresa.

Ao abrir uma empresa, a definição do público-alvo é um dos principais fatores a serem estudados pelo empreendedor. O ‘Pequenas Empresas & Grandes Negócios’, deste domingo, dia 21, mostra a história da administradora Elaine Zanotto Cenci, que, apenas por intuição, acertou no público de sua empresa ao investir em um quiosque de alimentos no metrô de São Paulo.

Diferentemente do que se costuma encontrar para vender em estações de metrô, como refrigerantes e salgadinhos, Elaine apostou em produtos naturais, como aveia, granola e sucos, e, hoje, atende mais de 2 mil pessoas que procuram opções de alimentos saudáveis com baixo custo e de qualidade. Apesar da empreendedora ter tido a sorte de acertar sem fazer este tipo de planejamento, o consultor Samuel Pereira recomenda que o melhor é sempre investir em uma pesquisa de mercado e dá dicas sobre o assunto.

O ‘PEGN’ também mostra a história de um casal que trabalhava com tecnologia, percebeu a movimentação do público pela busca de jogos analógicos e investiu R$ 60 mil na montagem de um bar com jogos de mesa, de tabuleiro e de interpretação. No local, Alexander Mitchell e Carol Franco disponibilizam mais de 300 jogos para seus clientes, que pagam a partir de R$ 15 pelo serviço.

Para o especialista, Yuri Fang, esse tipo de mercado é uma tendência, uma vez que o faturamento mundial cresce 10% ao ano e tem uma projeção de crescer 40% no Brasil. No embalo do clube de jogos, o programa procura saber qual é o jogo de tabuleiro mais popular do mundo.

O programa vai ao ar logo após mais uma edição do Globo Comunidade, começando por volta das 07h15 na Globo.

Sobre o autor | Website

Catarinense e estudante de direito. Escrevo sobre entretenimento desde 2010, mas comecei com política internacional depois da campanha americana de 2016. Adoro uma premiação e um debate político, mas sempre estou lendo ou assistindo algo interessante. Quer saber mais? Me pague um café e vamos conversar.

Deixe um comentário

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.