Plutão Já Foi Planeta lança o disco “A última palavra feche a porta”

Publicidade

0
Foto: Divulgação / TV Globo

A banda Plutão Já Foi Planeta, de Natal (RN), lança seu segundo disco, “A Última Palavra Feche a Porta”, com produção de Gustavo Ruiz e participações de Liniker e Maria Gadu. O álbum chega a todas as plataformas digitais, pelo selo Slap, nessa sexta-feira 24.

A poesia, espinha dorsal do novo disco da banda, ganha corpo nas dez faixas de “A Última Palavra Feche a Porta”. Ora suaves, ora mais densas, as canções são sempre devidamente estruturadas, paramentadas e/ ou envenenadas pela cirúrgica produção de Gustavo Ruiz.

Nas letras do novo trabalho do Plutão Já Foi Planeta, a beleza pode estar escondida em situações corriqueiras como uma mesa de bar durante a Copa do Mundo ou um singelo ursinho de pelúcia abandonado na calçada. O alumbramento também surge escancarado em personagens como a palhaça artista de rua ou a paciente do médico e fisiologista Josef Breuer, citada na aula da faculdade de filosofia. Tudo é potencial poesia!

Para as duas faixas que ilustram os momentos mais intensos do álbum, a banda escolheu vozes de intérpretes que parecem brotar das músicas. Liniker chega em duo com Natália em “Insone”, climatizada com guitarras e synths certeiros e ácidos. Já o timbre poderoso de Maria Gadu vive casamento mais que feliz com a maciez das vozes de Natália e Gustavo nos aconchegantes lençóis de “Duas”, que guardam a densidade das paixões.

Sinta só o que nos aguarda nesse novo álbum:

Sobre a banda

Formada em setembro de 2013, a banda é composta atualmente por Natália Noronha, Gustavo Arruda, Nuno Campos (Sapulha), Khalil Oliveira e Vitória de Santi. Com influências como John Frusciante, Little Joy, Mutantes, Los Hermanos e grupos do indie pop britânico atual, como Bombay Bicycle Club e Little Comets, O PJFP encontra sua assinatura num pop balsâmico.

Em 2016, PJFP foi finalista do reality show “Superstar”, da Rede Globo, no qual apresentou sete músicas autorais ao longo do programa. Também participou do Festival Rolling Stone e conquistou diversos prêmios como o Hangar e troféu Cultura, ambos do Rio Grande do Norte, e de banda revelação do canal Riff, do Rio de Janeiro.

Compartilhar

Deixe um comentário