A Praça É Nossa 30 anos: bastidores do evento

Publicidade

0
Carlos Alberto de Nóbrega
Carlos Alberto de Nóbrega (Foto: Marjorie de Mello / N10 Entretenimento)

“Fico muito feliz quando vejo pessoas daqui fazendo novela ou filme. Me sinto vitorioso. Perder é triste, mas fico feliz porque começou aqui”, diz Carlos Alberto.

Ontem, 9 de junho de 2017, o SBT reuniu a imprensa para celebrar os 30 anos do programa “A Praça É Nossa“. O evento também contou com a participação de boa parte do elenco atual (Alexandre Porpetone, Zé Américo, Dalila de Nóbrega),  do diretor do programa Marcelo de Nóbrega e do diretor de planejamento artístico Fernando Pelégio.

Carlos Alberto estava muito emocionado, principalmente ao mencionar seu pai, Manuel de Nóbrega, que jamais imaginaria que a Praça, criada ainda na década de 1950, iria se tornar um legado nacional, referência em humor e programa família.

Com um humor puro, Carlos Alberto faz questão de acompanhar tudo no programa e diz “odeio censura, mas tem coisa que corto. Meu pai sempre me disse ‘se você contar uma piada veja se pode contar para sua mãe, se não puder não ponha no ar'” e afirma “eu tenho certeza que quando você estiver com sua filha vendo o meu programa você não precisará mudar de canal“.

A Praça É Nossa revelou muitos artistas e ainda é uma grande porta para novos comediantes, Carlos Alberto alega que fica muito feliz quando vê pessoas que saíram da Praça e hoje fazem novela e cinema e que se sente vitorioso por isso.


Carlos Alberto e Marcelo de Nóbrega

Marcelo de Nóbrega, diretor, ator e cantor, há 30 anos atua e há 20 anos na direção da Praça, fala sobre o programa:

“Meu avô jamais poderia imaginar que isso ia permanecer e passar para o filho, neto e bisneta, mas aconteceu e virou um legado. O segredo da Praça se dá pela renovação dos personagens, enquanto existir praça na rua existirá Praça É Nossa e acho que o programa ainda tem muito pela frente.”

Marcelo também fala sobre o pai “me dou muito bem com ele, eu sei quando ele está nervoso, quando ele está bem, quando está cansado, quando não está gostando de uma piada ou quando quer que o quadro acabe logo, no olhar eu percebo isso, eu tenho essa sintonia com ele.”


Família Nóbrega: Dalila, Carlos Alberto e Marcelo

Dalila de Nóbrega, atriz, cantora e bailarina, comenta que desde pequena acompanhava as gravações da Praça É Nossa, principalmente para ver o “tio Golias” (Ronald Golias), no qual ela descreve como “o adulto mais legal que uma criança poderia conhecer”. Ela faz teatro há muitos anos e diz que sempre teve um viés cômico em seus personagens, já fez drama mas ama o humor. Para ela a família é um orgulho, um legado nacional, objetiva criar uma identidade própria e continuar com o nome.

 

Compartilhar
Formada em Comunicação Social Radialismo pela Universidade São Judas Tadeu; Cinéfila apaixonada por animação e aventuras épicas.

Deixe um comentário