Programa Bem Estar 14/11/2017 – Osteoporose

Publicidade

0
Foto: Divulgação

Quanto mais a gente vive, mais a gente corre o risco de ter a doença que deixa os ossos fracos, a osteoporose. Ela não mata, mas derruba. O reumatologista Cristiano Zerbini explicou o que você pode fazer para se proteger no Bem Estar desta terça-feira (14).

Os cuidados dentro de casa são importantes para evitar as quedas, mas também existem outras medidas, como tomar cálcio, tomar leite, comer queijo, tomar iogurte, se exercitar, como lembrou a endocrinologista Marise Lazaretti.

A osteoporose é uma doença que acomete mais mulheres depois da menopausa, mas os homens também têm e a mortalidade após fratura de fêmur, por exemplo, é duas vezes maior nos homens do que nas mulheres. Por isso, a prevenção é importante.

Entre os fatores de risco para a perda óssea estão a idade avançada, sexo feminino, baixo índice de massa corpórea, vida sedentária, cigarro e uso de glicocorticoides. Segundo a endocrinologista, por algum motivo as mulheres mais gordinhas conseguem manter mais massa óssea do que as muito magras.

A doença não mata, mas as consequências dela podem matar. A mortalidade está muito associada às complicações das fraturas. Os locais mais comuns de fratura são as vértebras e o colo do fêmur, porque são os que sustentam mais peso.

A prevenção da osteoporose está associada a dieta rica em cálcio, vitamina D e atividade física.

Bem Estar

Apresentado por Mariana Ferrão e Fernando Rocha nas manhãs de segunda a sexta, o programa tem a participação fixa de médicos e de especialistas das mais diversas áreas.

O programa vai ao ar às 10h09, na Rede Globo.

Compartilhar

Deixe um comentário