Programação da TV João Pedro

Programa Bem Estar 27/12/2018 – Longevidade

Programa Bem Estar 27/12/2018 – Longevidade

Qual o segredo para envelhecer bem no Brasil? Para falar sobre o assunto, o Bem Estar desta quinta-feira (27) recebeu a geriatra Maysa Cendoroglo e o neurocientista Tarson Adoni.

Um dos pontos para que o envelhecimento seja mais tranquilo é socializar. Conversar é um grande estímulo porque cria desafios, faz pensar e é um exercício para o cérebro.

Outro ponto é praticar atividade física. Ela controla os fatores de risco e ajuda a minimizar os impactos de doenças. Também mantém a força muscular, já que com o envelhecimento, as fibras musculares, principalmente as fibras rápidas, vão reduzindo. Por isso idosos tendem a ter uma resposta lenta a situações inesperadas, como um tropeço, por exemplo. A atividade física ajuda a manter a massa muscular, o que melhora o equilíbrio, força e velocidade de marcha

A perda de massa magra, da força e a diminuição da velocidade de marcha causam sarcopenia. Tanto pessoas magras quanto obesas podem ter essa diminuição das fibras musculares e a infiltração de gordura entre as fibras.

A atividade física pode ser feita a partir de qualquer idade, mas, aquelas pessoas que sempre foram sedentárias e já têm uma idade mais avançada, precisam de um acompanhamento de especialista para evitar lesão.

Melhor do que apenas praticar atividade física é fazê-la em grupo. Estudos experimentais mostram que melhora a memória, já que provoca um aumento da proteína BNDF – Brain-derived neurotrophic factor, que atua no hipocampo e melhora a memória. Quem pratica atividade física em grupo tem maior liberação dessa proteína que pessoas que praticam sozinhas.

Outro ponto muito importante é a alimentação saudável. O envelhecimento muda a absorção e a metabolização dos alimentos. Perdemos células de vários órgãos, inclusive do intestino, por isso a absorção dos alimentos diminui.

Além disso, o metabolismo basal reduz e por essa razão a quantidade de alimentos ingeridos diariamente deve ser menor do que era anteriormente. Para o bom envelhecimento, é preciso consumir proteína, fibras, alimentos que contém cálcio e beber bastante água.

Muitas pessoas quando envelhecem pioram os hábitos alimentares porque passam a ter dificuldade de comprar os alimentos e a prepará-los por causa da perda de mobilidade; têm menos dinheiro para fazer compras e também pioram a mastigação. Essas dificuldades fazem com que os idosos optem por alimentos mais fáceis de preparar e de mastigar, o que acaba sendo, na maioria das vezes, carboidratos e gordura.

O sol é muito importante! Para manter a produção de vitamina D, é importante tomar sol 20 minutos por dia.

Para chegar à terceira idade com uma boa saúde mental é preciso cuidar de fatores diretos e indiretos.

Os fatores indiretos são:

  • – pressão alta
  • – diabetes
  • – sedentarismo
  • – tabagismo
  • – álcool em excesso
  • – colesterol alto
  • – obesidade

Os fatores diretos que estimulam o cérebro são:

  • – genética
  • – manter-se cognitivamente ativo

Como é o envelhecimento do cérebro

O envelhecimento natural do cérebro é a perda de sinapses, das comunicações entre os neurônios.

A região da memória vai sendo construída ao longo da vida, e, conforme envelhecemos, algumas vias de conexão que acessavam a memória vão se fechando. Porém, quando cuidamos dos fatores indiretos (obesidade, pressão, etc) e mantemos a mente ativa através da leitura, da socialização e do aprendizado, o cérebro encontra outros caminhos para acessar a memória, e o problema deixa de existir.

Bem Estar

Apresentado por Mariana Ferrão e Fernando Rocha nas manhãs de segunda a sexta, o programa tem a participação fixa de médicos e de especialistas das mais diversas áreas.

O programa vai ao ar às 10h09, na Rede Globo

Sobre o autor | Website

Deixe um comentário

Por gentileza, se deseja alterar o arquivo do rodapé,
entre em contato com o suporte.